Jornal do Comércio >> Governo dos EUA divulga parâmetros para renegociação do Nafta

O governo de Donald Trump divulgou há pouco uma série de parâmetros para a renegociação do Nafta (Tratado norte-americano de Livre Comércio) que lista novas diretrizes para diferentes áreas da balança comercial dos Estados Unidos, inclusive comércio digital, serviços e câmbio. No dia 18 de maio, quando Trump notificou o Congresso sobre a pretensão de revisar o acordo, foi estabelecido que o governo americano começaria as conversas com o Canadá e o México dali 90 dias, ou seja, dentro de um mês.

Sob a justificativa de que “os EUA de quando o Nafta foi assinado não são os mesmos EUA de hoje”, o texto promete a implementação de “mecanismos seguros” para evitar impostos aduaneiros sobre produtos digitais, como softwares, músicas, vídeos e e-books. Também está prevista a garantia de que tais produtos não enfrentarão discriminação dos governos dos países do tratado em forma de sanções.

Entre as intenções do novo tratado está a eliminação do capítulo 19 do Nafta, que dispõe sobre políticas antidumping. A ideia é preservar a capacidade dos EUA de reforçar rigorosamente suas leis de comércio.

Além disso, o documento cita um “mecanismo apropriado” que garanta a prevenção de manipulação cambial para evitar que algum país obtenha vantagem competitiva injusta. O texto, no entanto, não detalha sobre como esse mecanismo funcionaria.

Fonte Oficial: http://jcrs.uol.com.br/_conteudo/2017/07/economia/574302-governo-dos-eua-divulga-parametros-para-renegociacao-do-nafta.html.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!