Valor >> Juros futuros ficam perto da estabilidade, em dia de baixo volume

SÃO PAULO  –  O mercado de contratos de juros futuros teve um dia fraco nesta segunda-feira, a caminho de registrar o menor giro de negócios em três semanas. As taxas, de forma geral, orbitaram o ajuste do fim da semana passada, sem grandes motivos para mudança significativa de apostas.

Os juros mais curtos seguiram atribuindo quase 100% de chance de corte de 1 ponto percentual da Selic no encontro do Comitê de Política Monetária (Copom) na terça e quarta-feira. Surpresas benignas com as leituras de inflação, sinais ainda fracos da atividade, câmbio comportado, exterior benigno e alguma trégua no campo político levaram o mercado a colocar a maior parte das fichas na manutenção do ritmo de distensão monetária.

Ao fim do pregão regular, às 16h, o DI janeiro/2018 – que reflete apostas para o patamar da Selic ao fim de 2017 – cedia a 8,520% (8,535% no ajuste anterior).

O DI janeiro/2019 operava estável, a 8,400%.

Entre as taxas de médio e longo prazos, as poucas variações também deram o tom.

O DI janeiro/2021 tinha taxa de 9,450% (9,440% no ajuste anterior).

E o DI janeiro/2023 mostrava estabilidade em 9,950%.

Fonte Oficial: http://www.valor.com.br/financas/5051314/juros-futuros-ficam-perto-da-estabilidade-em-dia-de-baixo-volume.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!