Valor >> Dólar ganha força na reta final com maior aversão a risco global

SÃO PAULO  –  O tom mais arisco no mercado externo perto do fim do pregão levou investidores para a segurança do dólar, o que sustentou leve alta da moeda americana nesta terça-feira.

No fechamento das operações interbancárias, a cotação subiu 0,14%, a R$ 3,1296. Na mínima, foi a R$ 3,1202, enquanto a máxima foi de R$ 3,1378.

No mercado futuro, em que os negócios se encerram às 18h, a taxa do contrato para setembro tinha variação positiva de 0,05%, a R$ 3,1425.

O dólar ganhou força também frente a outras divisas emergentes, ao mesmo tempo que os principais índices de ações em Wall Street foram ao terreno negativo após o Dow Jones e o S&P 500 terem renovado recordes intradiários horas antes. A virada do humor veio após o presidente americano, Donald Trump, adotar um tom mais bélico contra a Coreia do Norte, ameaçando o país com “fúria e fogo como o mundo nunca viu”.

O índice de volatilidade VIX – termômetro do “medo” do mercado de ações dos EUA – saltou, marcando alta de 10,37% – a mais forte e para o maior nível em um mês.

Fonte Oficial: http://www.valor.com.br/financas/5072696/dolar-ganha-forca-na-reta-final-com-maior-aversao-risco-global.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!