Jornal do Comércio >> Prejuízo líquido da Oi sobe 302% no 2º trimestre, para R$ 3,303 bi

A operadora de telefonia Oi, em processo de recuperação judicial, apresentou prejuízo de R$ 3,303 bilhões no segundo trimestre do ano, aumento de 302% na comparação com o mesmo período de 2016. A companhia atribuiu o resultado negativo ao impacto do câmbio no resultado financeiro.

“Continuamos contabilizando os juros e a variação cambial da dívida ao longo do processo de recuperação judicial, independente do pagamento. E tem uma parcela muito grande da dívida em moeda estrangeira”, afirmou o presidente da Oi, Marco Schroeder, em entrevista ao Broadcast, serviço de notícias em tempo real do Grupo Estado.

O executivo destacou que neste segundo trimestre houve uma desvalorização do real frente ao dólar e o euro. “Mas isso não impacta o meu caixa, só oscila despesa financeira”, disse. A tele encerrou o segundo trimestre com posição de caixa de R$ 7,431 bilhões, ante R$ 7,699 bilhões no primeiro trimestre.

O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciações e amortizações) foi de R$ 1,617 bilhão no segundo trimestre, alta de 12,7% na comparação anual.

A Oi apresentou receita líquida total de R$ 5,839 bilhões no segundo trimestre do ano, queda de 10,5% na comparação com o mesmo período de 2016.

No segundo trimestre do ano, o resultado financeiro líquido da Oi totalizou uma despesa de R$ 4,981 bilhões, comparado a uma despesa de R$ 115 milhões no primeiro trimestre e uma receita de R$ 622 milhões no mesmo trimestre do ano anterior

“As diferenças entre os trimestres são explicadas principalmente pela variação cambial no final de cada período, uma vez que as operações de hedge foram encerradas ao longo do segundo trimestre de 2016 e os resultados financeiros estão sujeitos às flutuações cambiais”, diz a Oi.

Fonte Oficial: http://jcrs.uol.com.br/_conteudo/2017/08/economia/578793-prejuizo-liquido-da-oi-sobe-302-no-2-trimestre-para-r-3-303-bi.html.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!