Jornal do Comércio >> União honrou R$ 221,59 mi em dívidas de Estados e municípios em julho

A União precisou honrar dívidas de Estados e municípios num total de R$ 221,59 milhões em julho. Com isso, nos sete primeiros meses do ano, o Tesouro Nacional pagou um montante de R$ 2,04 bilhões em dívida garantida. Em todo o ano de 2016, esse volume foi de R$ 2,37 bilhões.

A maior parte da dívida que precisa ser coberta pelo Tesouro é do Estado do Rio de Janeiro. Em julho, o governo fluminense deixou de pagar R$ 208,70 milhões e, no acumulado do ano, a dívida do Rio que foi paga pela União chega a R$ 2,008 bilhões.

Em segundo lugar, aparece o Estado de Roraima com calotes de R$ 8,51 milhões em julho e R$ 16,78 milhões no ano.

O custo para a União é ainda maior porque uma liminar proíbe o Tesouro de resgatar as contragarantias do Rio de Janeiro para cobrir esse gasto. Normalmente, quando a União precisa honrar uma dívida estadual, ela executa as contragarantias ao deixar de repassar para o ente as cotas do Fundo de Participação dos Estados (FPE) e outras receitas, como o IPI de exportação. Com a impossibilidade de executar as contragarantias do Rio, o total recuperado em junho foi de apenas R$ 7,97 milhões, ou 3,6% do total honrado.

Desde o ano passado, o prejuízo da União – o montante ainda a ser recuperado – soma R$ 1,439 bilhão. A quase totalidade desse valor é causada por duas decisões judiciais em favor do Rio de Janeiro.

Fonte Oficial: http://jcrs.uol.com.br/_conteudo/2017/08/economia/579511-uniao-honrou-r-221-59-mi-em-dividas-de-estados-e-municipios-em-julho.html.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!