Valor >> Braskem: Lucro líquido avança 167,7% no 2º trimestre, para R$ 1,089 bi

SÃO PAULO  –  A petroquímica Braskem apurou um lucro líquido de R$ 1,089 bilhão no segundo trimestre de 2017, resultado 167,7% superior ao lucro líquido de R$ 406,9 milhões apurado no segundo trimestre de 2016, segundo demonstração de resultados divulgada pela companhia na noite desta terça-feira. Os dados são os atribuídos aos sócios da empresa controladora, base para a distribuição de dividendos.

Segundo os dados arquivados na Comissão de Valores Mobiliários (CVM), a receita líquida da empresa no segundo trimestre de 2017 foi de R$ 11,870 bilhões, em alta de 1% sobre os R$ 11,721 bilhões no segundo trimestre de 2016.

Os custos e despesas operacionais da companhia cresceram 6,1% no segundo trimestre de 2017, para R$ 8,979 bilhões, ante os R$ 8,460 bilhões registrados um ano antes.

O lucro bruto da Braskem recuou 11,3% no segundo trimestre de 2017, para R$ 2,891 bilhões, ante R$ 3,261 bilhões um ano antes.

As despesas operacionais no segundo trimestre de 2017 foram de R$ 579,6 milhões, em queda de 35,4% sobre os R$ 897,4 milhões de despesas operacionais registrados um ano antes.

O lucro operacional da Braskem no segundo trimestre de 2017 foi de R$ 2,311 bilhões, em linha com o resultado do mesmo trimestre do ano anterior.

A despesa financeira da companhia ficou em R$ 677,4 milhões no segundo trimestre de 2017, em baixa de 64,2% sobre a despesa financeira de R$ 1,893 bilhão de um ano antes.

O lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) básico (não ajustado) da empresa ficou em R$ 3,034 bilhões no segundo trimestre de 2017, em linha com o resultado de um ano antes.

Pendências

A Braskem também divulgou os balanços auditados do primeiro trimestre de 2017 e do exercício 2016, que haviam sido publicados anteriormente, mas sem revisão pelo auditor independente.

A empresa teve lucro líquido atribuído aos controladores de R$ 1,807 bilhão no primeiro trimestre de 2017, resultado 119,5% superior ao lucro líquido de R$ 823,3 milhões apurado no primeiro trimestre de 2016. A receita líquida no primeiro trimestre foi de R$ 12,599 bilhões, em alta de 5,7% sobre um ano antes.

Já para o exercício 2016, o resultado atribuído aos controladores foi um prejuízo líquido de R$ 411,4 milhões, depois de ter apurado lucro de R$ 3 bilhões no exercício 2015.

A petroquímica informou ainda que enviou o relatório 20-F, referente ao exercício de 2016, à Securities and Exchange Commission (SEC) dos Estados Unidos.

Fonte Oficial: http://www.valor.com.br/empresas/5081568/braskem-lucro-liquido-avanca-1677-no-2-trimestre-para-r-1089-bi.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!