Jornal do Comércio >> Dólar segue desvalorização no exterior e cai a R$ 3,14

O dólar acelerou as perdas ante o real nesta quarta-feira – seguindo a desvalorização generalizada da moeda no exterior -, após a divulgação da ata da última reunião de política monetária do Fed. O documento destacou a fraqueza da inflação nos EUA, o que levou o mercado a projetar um atraso na continuidade de altas de juros no país. Foi visto também algum movimento técnico, além do voto de confiança que o mercado tem dado ao ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, após revisão da meta fiscal. Esta convicção, no entanto, foi caracterizada por alguns profissionais como exagerada, uma vez que a situação do país segue deteriorada.

A avaliação da ata fez com que o dólar perdesse terreno frente a todas as moedas. Próximo ao fim dos negócios, a divisa norte-americana renovou mínimas diversas vezes ante o real, em linha com as mínimas atingidas ante moedas emergentes e ligadas a commodities.

No mercado à vista, o dólar terminou em baixa de 0,86%, aos R$ 3,1473. O giro financeiro somou US$ 995 milhões. No mercado futuro, o dólar para setembro caiu 0,55%, aos R$ 3,1630. O volume financeiro movimentado somou US$ 18,51 bilhões.

Fonte Oficial: http://jcrs.uol.com.br/_conteudo/2017/08/economia/580115-dolar-segue-desvalorizacao-no-exterior-e-cai-a-r-3-14.html.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!