Jornal do Comércio >> Ganho de 312 empresas cai pela metade no 2º trimestre

O lucro de 312 empresas de capital aberto no segundo trimestre do ano totalizou R$ 21,50 bilhões, uma queda de 51% ante igual intervalo de 2016, quando os ganhos totalizaram R$ 43,9 bilhões, de acordo com levantamento da Economática. A consultoria também trouxe cálculos em que excluiu os resultados de Eletrobras, Vale e Oi, uma vez que, argumenta, a grande variação do lucro dessas companhias no período distorce o estudo geral.

Levando-se em consideração os dados de 309 empresas, o lucro acumulado no segundo semestre foi de R$ 24,4 bilhões, valor 13,2% inferior que o do mesmo período de 2016, quando as mesmas companhias lucraram R$ 28,1 bilhões.

O setor com maior lucro acumulado no segundo trimestre de 2017, com 23 instituições, é o de bancos: os ganhos somados atingiram R$ 16 bilhões, crescimento de R$ 851 milhões ou 5,6%.

Seis setores tiveram prejuízo consolidado no segundo trimestre de 2017. O setor de construção, com 21 empresas, registra R$ 1,56 bilhão de perdas. Já transportes e serviços acumulou prejuízo de R$ 654,4 milhões, o segundo maior em prejuízo nominal.

Dos 25 setores avaliados, 12 têm queda de lucratividade no segundo trimestre de 2017 ante o mesmo período de 2016. O de papel e celulose, com cinco empresas, é o que tem a maior queda: no segundo trimestre de 2016, o setor registrou lucro de R$ 2,94 bilhões, contra prejuízo de R$ 399,8 milhões no mesmo período de 2017.

O setor com maior alta de lucratividade entre o segundo trimestre de 2016 e o de 2017 é o de siderurgia. Com 18 empresas, lucrou R$ 107,4 milhões de abril a junho, contra prejuízo de R$ 792,3 milhões em igual período de 2016.

 

Fonte Oficial: https://worldcambio.com.br/wp-content/uploads/2017/08/jornal-do-comercio-ganho-de-312-empresas-cai-pela-metade-no-2o-trimestre.br_conteudo/2017/08/economia/580067-ganho-de-312-empresas-cai-pela-metade-no-2-trimestre.html.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!