Jornal do Comércio >> Taxas futuras de juros recuam com dólar

Os juros futuros operam em baixa nesta sexta-feira (18) na esteira do dólar fraco no exterior e frente o real. Os ativos domésticos devolvem parte das altas registradas na quinta-feira (17) na esteira da aversão ao risco decorrente de preocupações com a governabilidade do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e com o impacto na economia europeia dos novos atentados terroristas na Espanha.

Nesta sexta, o movimento de busca de proteção no exterior perdeu um pouco de força. O dólar ainda segue em baixa frente o iene e o franco suíço, mas oscila perto da estabilidade frente o euro. Em relação a divisas emergentes, predomina um viés de baixa em meio á alta de commodities, como petróleo e cobre.

Internamente, as atenções continuam sobre o fiscal e as negociações do governo com o Congresso para tentar aprovar a TLP e as metas fiscais na próxima semana.

Às 9h46min, o DI para janeiro de 2019 estava a 8,08%, de 8,12% no ajuste anterior. O DI para janeiro de 2020 a 8,87%, de 8,91% no ajuste anterior. E o DI para janeiro de 2021 caía a 9,47%, de 9,52% no ajuste anterior. No câmbio, o dólar à vista no balcão caía 0,35%, aos R$ 3,1657. O dólar para setembro recuava 0,33%, aos R$ 3,1740.

Fonte Oficial: http://jcrs.uol.com.br/_conteudo/2017/08/economia/580463-taxas-futuras-de-juros-recuam-com-dolar.html.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!