Jornal do Comércio >> Agrometeorologia reduz impactos no campo

Descendente de agricultores, Homero Bergamaschi foi criado no meio rural. O campo sempre foi um ambiente natural para o engenheiro agrônomo, que desde muito novo percebeu a influência do clima na agropecuária. Após iniciar os estudos em sua cidade natal, Encantado, se mudou para a Capital. Mesmo longe da vida rural, a engenharia agrônoma foi a carreira escolhida. Na Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Ufrgs), o pesquisador se formou e cursou mestrado. Desde então, dedica sua vida ao mundo acadêmico, sempre com estudos voltados ao tema da agrometeorologia. 

A agrometeorologia se baseia na aplicação do estudo da meteorologia nas atividades agrícolas. Os profissionais da área estudam tecnologias que visam diminuir o impacto de fenômenos climáticos na agricultura. O frio, excesso de calor, e tantas outras variações climáticas são estudadas para encontrar uma aplicação. “Não basta saber da importância do clima para nossa agricultura, é preciso desenvolver o propor tecnologias para avaliar nossos sistemas de produção”, destaca o pesquisador.

Na Ufrgs, o engenheiro agrônomo exerceu as mais diversas atividades. Foi professor de graduação no curso de Agronomia, organizou e ministrou diversas disciplinas da Pós-graduação dos cursos de Agronomia, Fitotecnia, Ecologia e Sensoriamento Remoto.

No ano de 1990, promoveu um projeto de pesquisa que reuniu a Ufrgs e a Universidade de Kassel (Alemanha). A parceria entre as universidades resultou na primeira estação meteorológica automática em operação de monitoramento contínuo na Estação Experimental Agronômica (EEA/Ufrgs). Atualmente, Bergamaschi coordena ao lado do professor Moacir Antonio Berlato, o grupo de pesquisas em Agrometeorologia da universidade que há mais de 25 anos realizada pesquisas e desenvolve atividades de ensino, extensão e administração.

O grupo de pesquisas abrange os mais diversos temas, entre eles, o zoneamento agrícola, método de política agrícola e gestão de riscos na agricultura. A técnica é bastante utiliza, pois é acessível aos produtores rurais e demais pessoas envolvidas no processo. Já o calendário de cultivos auxilia os agricultores a escolherem a melhor época para o plantio. Previsão de safras, diagnóstico de culturas através de modelos agrometeorológicos, imagens de satélites ajustadas à região e calendário de cultivos, também são estudados pelo grupo.

As informações obtidas sobre os temas são divulgadas em publicações científicas, cursos curriculares e extracurriculares, congressos, eventos técnicos, matérias na mídia e consultas do público em geral. Além de pesquisas, o grupo promove o aconselhamento a produtores por meio de sistema de monitoramento de tempo e clima. “Se utiliza muito modelos matemáticos, mas esses parâmetros devem ser conhecidos, por isso, realizamos o aconselhamento”, frisa Bergamaschi.

O projeto mais recente do pesquisador é o livro As plantas e o Clima – princípios e aplicações. A obra aborda as relações das plantas como o clima, os processos e aplicações em ecossistemas produzidos e naturais. Todo o conteúdo do livro é baseado em pesquisas do grupo.



















Homenageados em 2017
PRÊMIO ESPECIAL
Luiz Carlos Federizzi – Ufrgs
CADEIAS DE PRODUÇÃO E ALTERNATIVAS AGROPECUÁRIAS
Aproccima
Geovano Parcianello – Irga
Jorge Tonietto – Embrapa
INOVAÇÃO, TECNOLOGIA RURAL E EMPREENDEDORISMO
Julio Otavio Jardim Barcellos – Ufrgs
SIA – Serviço de Inteligência em Agronegócio
Homero Bergamaschi – Ufrgs
Maria do Carmo Bassols Raseira – Embrapa
Antonio Folgiarini de Rosso – Irga
PRESERVAÇÃO AMBIENTAL
Cimélio Bayer – Ufrgs
Alianza del Pastizal – BirdLife International
Flávia Fontana Fernandes – UFPel

Fonte Oficial: http://jcrs.uol.com.br/_conteudo/2017/08/economia/580867-agrometeorologia-reduz-impactos-no-campo.html.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!