Jornal do Comércio >> Dólar abre em queda com possível privatização da Eletrobras

O mercado recebeu bem a notícia da possível privatização da Eletrobras e o dólar à vista no balcão opera em queda na manhã desta terça-feira (22) na contramão do exterior, diante da expectativa de entrada de recursos estrangeiros no País no médio prazo. A proposta deve ser feita ao Conselho do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI) e mais detalhes serão conhecidos logo mais, às 10 horas, em entrevista coletiva convocada pelo Ministério de Minas e Energia.

Na manhã desta terça, o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, reconheceu que o governo está trabalhando “na modelagem” da privatização da estatal, que acumula dívidas de R$ 43,5 bilhões. Ele participa neste momento de seminário de direito tributário e aduaneiro promovido pelo Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf).

Às 9h33min, o dólar à vista no balcão era negociado a R$ 3,1546, em queda de 0,48%, depois de chegar a recuar 0,67% na mínima, a R$ 3,1485.

No mercado futuro, a moeda para setembro recuava 0,28%, cotada a R$ 3,1620. No exterior, a divisa americana exibe sinal positivo antes moedas fortes e ligadas a commodities.

Fonte Oficial: http://jcrs.uol.com.br/_conteudo/2017/08/economia/580970-dolar-abre-em-queda-com-possivel-privatizacao-da-eletrobras.html.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!