Jornal do Comércio >> Petróleo fecha em alta, após relatório do DoE e tempestade no Golfo do México

Os contratos futuros de petróleo fecharam em alta nesta quarta-feira, impulsionados pela queda nos estoques de óleo cru, gasolina e destilados nos Estados Unidos, de acordo com o Departamento de Energia (DoE, na sigla em inglês). Além disso, os investidores tentaram avaliar o impacto de uma tempestade tropical no Golfo do México nos preços da commodity.

Na New York Mercantile Exchange (Nymex), o petróleo WTI para outubro fechou em alta de 1,21%, a US$ 48,41 por barril. Já na Intercontinental Exchange (ICE), o barril do petróleo Brent para o mesmo mês avançou 1,34%, a US$ 52,57.

Nesta quarta-feira, o DoE informou que os estoques de petróleo dos EUA caíram 3,3 milhões de barris na semana passada, pouco mais que a previsão de baixa de 3,1 milhões de barris esperada por analistas consultados pelo Wall Street Journal.

Os estoques de gasolina caíram 1,2 milhão de barris, superando a queda esperada de 500 mil barris; já os estoques de destilados contrariaram a previsão de alta de 300 mil barris e caíram 38 mil barris.

Essa foi a oitava semana consecutiva de declínio nos estoques de petróleo – um sinal de que os esforços da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) e de outros grandes produtores de fora do cartel para reduzir a oferta da commodity está surtindo algum efeito. No entanto, alguns analistas comentaram que os participantes do mercado permanecem otimistas, mas com um pouco de cautela.

“As pessoas estão esperando para ver se esse padrão continuará após o fim da temporada de verão, quando a demanda deve cair”, disse Gene McGillan, gerente de pesquisa da Tradition Energy.

Os preços também avançaram à medida que os investidores voltaram sua atenção para uma tempestade tropical no Golfo do México, que parece estar se dirigindo para a costa, onde grande parte da capacidade de refino dos EUA está localizada.

A possibilidade de que a produção de combustível seja interrompida ajudou a impulsionar os preços do óleo, disse Mark Anderle, diretor de fornecimento e negociação da TAC Energy.

Fonte Oficial: http://jcrs.uol.com.br/_conteudo/2017/08/economia/581338-petroleo-fecha-em-alta-apos-relatorio-do-doe-e-tempestade-no-golfo-do-mexico.html.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!