Jornal do Comércio >> Volta do PIB está contratada; a questão é ‘quando’ e não ‘se’, diz Trabuco

O presidente do Bradesco, Luiz Carlos Trabuco Cappi, afirmou nesta quinta-feira (24), que a volta do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro está contratada. “A questão é quando e não se”, afirmou ele, durante reunião com analistas e investidores.

De acordo com Trabuco, a visão do Bradesco para a economia brasileira é “extremamente auspiciosa”, mas não há “otimismo ululante”. “Enxergamos a potencialidade e o PIB do Brasil. O País tem gaps de infraestrutura e de investimento e vai reflorescer em algum momento”, acrescentou o presidente do Bradesco.

Ele afirmou ainda que o pior da crise que o País enfrentou ficou para trás e que há sinais que apontam para a inflexão da economia, como, por exemplo, o desempenho da indústria automobilística. De acordo com Trabuco, apesar de o segmento ainda estar longe de alcançar sua capacidade ociosa, tem apresentado melhora nas vendas de automóveis.

Apesar dos três anos de recessão do Brasil, o presidente do Bradesco vê o País saindo desse período com rota de eficiência e competitividade. “Esses três anos de recessão brasileira foram teste real de estresse para o banco e para o sistema”, disse ele, acrescentando que o regime reagiu bem e que o banco segue preparado para capturar os melhores momentos da economia brasileira.

O presidente do Conselho de Administração do Bradesco, Lázaro de Mello Brandão, afirmou que o ambiente no Brasil é “favorável” e “otimista”. “O País passou por transformação social e econômica que implica reformulações”, afirmou ele na mesma reunião com analistas e investidores, nesta tarde.

De acordo com Brandão, a estratégia do banco evidencia caminho certo para crescer em ciclo de recuperação do País.

Fonte Oficial: http://jcrs.uol.com.br/_conteudo/2017/08/economia/581712-volta-do-pib-esta-contratada-a-questao-e-quando-e-nao-se–diz-trabuco.html.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!