Jornal do Comércio >> Bolsas da Europa fecham em queda após volatilidade com evento do BC dos EUA

Os principais índices acionários da Europa fecharam majoritariamente em queda nesta sexta-feira depois de um dia de volatilidade causada pelo simpósio do Federal Reserve (Fed, o banco central dos EUA) de Kansas em Jackson Hole. O índice pan-europeu Stoxx 600 caiu 0,12%, para 374,07 pontos, devolvendo os ganhos do dia anterior.

O evento começou na noite de quinta-feira e um dos discursos mais aguardados pelos investidores já aconteceu: o da presidente do Fed, Janet Yellen. Como ela evitou falar sobre política monetária e o ritmo de aperto do banco central, o mercado voltou as atenções para o presidente do Banco Central Europeu (BCE), Mario Draghi, que discursa às 16 horas (horário de Brasília). Na segunda-feira, a Europa deve digerir os comentários em Jackson Hole.

O índice DAX, de Frankfurt, fechou em queda de 0,11%, aos 12.167,94 pontos, depois de operar sem direção à espera de Draghi. Depois de Yellen, o dólar acentuou as perdas ante o euro, já que não houve comentários assertivos sobre os juros, o que firmou as bolsas europeias no campo negativo. Em meio à escassez de notícias corporativas, a Deutsche Boerse fechou em alta de 1,26%, com baixo volume de negócios.

Em Londres, o FTSE 100 terminou o dia na cotação mínima, aos 7.401,46 pontos, em queda de 0,08%. Os varejistas tiveram maiores perdas com preocupações sobre uma guerra de preços conforme a Amazon se expande pela Europa. As perdas foram limitadas, no entanto, conforme os preços do petróleo sustentaram ganhos das empresas de energia, enquanto as mineradoras ficaram majoritariamente em alta.

O Ibex 35, de Madri, caiu 0,12%, aos 10.345,30 pontos, com os bancos responsáveis pela maior parte do volume dos negócios. O Banco de Sabadell caiu 0,48% e o Banco Bilbao Vizcaya recuou 0,20%. O Santander fechou estável.

Em Paris, o CAC 40 perdeu 0,17%, chegando aos 5.104,33 pontos. Credit Agricole, Vallourec e Engie lideraram as perdas: -1,06%, -1,17% e -1,17%, respectivamente. Em Lisboa, o PSI 20 caiu 0,58%, para 5.165,92 pontos.

Destoando de seus pares, Milão conseguiu encerrar o dia no campo positivo, avançando 0,08% e chegando aos 21.746,50 pontos. Os bancos, ao contrário do observado em Madri, lideraram os ganhos. O BPM, e o UniCredit subiram 1,51% e 1,37%, respectivamente.

Fonte Oficial: http://jcrs.uol.com.br/_conteudo/2017/08/economia/581827-bolsas-da-europa-fecham-em-queda-apos-volatilidade-com-evento-do-bc-dos-eua.html.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!