Jornal do Comércio >> BC: com LIG há espaço para captar com instrumento reconhecido no mundo

O diretor de Regulação do Banco Central, Otavio Damaso, afirmou nesta terça-feira, 29, durante coletiva de imprensa, que, com a Letra Imobiliária Garantida (LIG), o BC abre espaço para captação de recursos com instrumento reconhecido no mundo. A LIG é uma espécie de covered bond, instrumento largamente difundido em outros países.

“Com a LIG, haverá atração de recursos para financiamento imobiliário. A expectativa é de que o instrumento cumpra papel relevante”, disse Damaso. O diretor do BC afirmou ainda que, durante o processo de consulta pública para regulamentação do instrumento, o BC percebeu interesse das instituições financeiras pela LIG. “Há interesse por instituições grandes, médias e pequenas”, afirmou.

Ele explicou ainda que as instituições vão usar carteiras que já possuem como garantias para a LIG. Na prática, operações de crédito já concedidas podem ser utilizadas no pool que garante uma LIG. “Um aspecto importante da LIG é a segurança que o pool de ativos dará ao pagamento do compromisso da LIG. E a instituição, ao colocar ativos neste pool, testará a qualidade e a suficiência deste pool”, afirmou. No caso de insolvência de ativos do pool, a instituição será obrigada a substituí-los. Haverá, assim, um giro dos ativos que servem de garantia.

Damaso pontuou ainda que a flexibilidade quanto aos índices que podem ser adotados como referência de renumeração para a LIG busca fazer com que os próprios bancos testem e avaliem qual índice terá mais aceitação. “A instituição vai testar o apetite do mercado”, afirmou.

Pela resolução publicada hoje, a renumeração da LIG poderá ser baseada em taxa de juros fixa ou flutuante, combinadas ou não, bem como em outras taxas, desde que de conhecimento público. Admite-se a emissão de LIG com previsão de pagamento periódico de rendimentos e de principal, além de atualização de seu valor nominal com base em índice de preços ou variação cambial.

Damaso confirmou ainda, durante a coletiva, que a LIG segue isenta de imposto de renda, como definido originalmente na lei.

Fonte Oficial: http://jcrs.uol.com.br/_conteudo/2017/08/economia/582635-bc-com-lig-ha-espaco-para-captar-com-instrumento-reconhecido-no-mundo.html.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!