Jornal do Comércio >> Ibovespa renova máxima e chega aos 75 mil pontos

Agência O Globo

O Ibovespa, principal índice de ações da B3 (ex-BM&FBovespa), renova as máximas históricas nesta terça-feira. O indicador opera em alta de 1,21%, aos 75.220 pontos. Na máxima, chegou aos 75.332 pontos, mostrando que os investidores continuam otimistas em relação à recuperação da economia brasileira. Já o dólar comercial opera e alta de 0,61% ante o real, cotado a R$ 3,124.

Rogério Freitas, sócio diretor da Florença Investimentos, lembra que os agentes do mercado financeiro tentam antecipar os movimentos da economia e por isso a valorização da Bolsa ocorre antes de sinais mais concretos de melhora da atividade econômica.

“Até é possível questionar essa velocidade da valorização, mas o mercado tenta se antecipar a essa melhora. Nesse cenário de perspectiva de melhora para a economia, quem mais se beneficia são as empresas, por isso a Bolsa sobe”, disse, lembrando que os juros em queda e a inflação sob controle, além da liquidez global de recursos, dão sustentação para esse movimento.

Do ponto de vista macroeconômico, a alta do atual pregão é motivada pela expectativa de continuidade da redução da taxa de juros e perspectiva do andamento da agenda de reformas econômicas. em meio a esse cenário, Vale e as siderúrgicas sustentam esse movimento na Bolsa. No pregão anterior, o Ibovespa fechou aos 74.319, superando o recorde anterior, que era de maio de 2008.

As ações preferenciais (PNs, sem direito a voto) da Vale sobem 1,83%. Jás as ordinárias (ON, com direito a voto) avançam 1,62%. Com isso, ajudam o desempenho das siderúrgicas. Os papéis da CSN disparam 4,95% e os da Usiminas sobem 2,81%. A maior alta, no entanto, pertence aos papéis da Eletrobras. Os PNs sobem 5,09% e os ONs, 5,31%.

No caso da Petrobras, o pregão também é de valorização, mas em intensidade menor. As preferenciais sobem 0,73%, cotadas a R$ 15,10, e as ordinárias avançam 1,09%, a R$ 15,69. Na outra ponta, as ações do Magazine Luíza despencam 14,85% após a empresar anunciar uma oferta de ações que pode chegar a R$ 2 bilhões.

Os investidores repercutem a divulgação da ata da última reunião do Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central, que sinalizou que a magnitude dos cortes dos juros nas próximas reuniões será menor. Os dados no varejo também apresentaram nova recuperação, em especial no segmento de vestuário e calçados.

O otimismo dos investidores faz com que até notícias contra o presidente Michel Temer sejam minimizadas. Ontem à noite, um inquérito da Polícia Federal afirma que há indício de prática de corrupção em atos do presidente e de ministros do atual governo. “Considerando isto, a possibilidade de uma segunda denúncia por parte da Procuradoria Geral da República sobre o atual mandatário, aumenta bastante”, avaliou Ricardo Gomes da Silva Filho, superintendente da Correparti Corretora de Câmbio.

Já no mercado de câmbio, o dólar acompanha o movimento externo. O “dollar index”, registra leve alta de 0,05%. O indicador mede o comportamento da divisa americana frente a uma cesta de dez moedas.

Fonte Oficial: https://worldcambio.com.br/wp-content/uploads/2017/09/jornal-do-comercio-ibovespa-renova-maxima-e-chega-aos-75-mil-pontos.br_conteudo/2017/09/economia/585122-ibovespa-renova-maxima-e-chega-aos-75-mil-pontos.html.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!