Valor >> Azul fará oferta secundária de ações, com giro de ao menos R$ 1,074 bi

SÃO PAULO  –  A companhia aérea Azul informou que prepara uma oferta pública secundária de ações. A operação, que será realizada com esforços restritos de colocação, pode movimentar pelo menos R$ 1,074 bilhão, com base nas cotações de fechamento dos papéis desta terça-feira. Incluindo o lote adicional que poderá ser distribuído no exterior, na forma de ADS (recibos de ações), a oferta chega a R$ 1,182 bilhão.

Os acionistas vendedores na oferta são Saleb II Founder 1, Star Sabia, WP-New Air, ZDBR, Maracatu LLC, Trip Investimentos, Trip Participações e Rio Novo Locações Ltda.

A Azul afirmou que HNA Group e a United Airlines, considerados estratégicos, não estão entre os acionistas vendedores da operação. No caso da Saleb, empresa controlada por David Neeleman, fundador e principal acionista da Azul, a companhia disse que o executivo não está vendendo ações no nome dele.

A operação faz parte do acordo de divórcio de Neeleman, no qual ele se comprometeu a transferir para a ex-mulher, Vicki Labrum, os recursos com a venda das ações da Saleb na oferta, segundo o comunicado da Azul. Para vender os papéis, Neeleman obteve a dispensa da vedação à negociação (lock-up) pela B3.

O Itaú BBA atua como coordenador líder da oferta no Brasil. O banco atuará em conjunto com Citigroup, Deutsche Bank, BB Investimentos, Bradesco BBI, Santander, J.P. Morgan e J. Safra na operação local. A oferta internacional inclui também a Raymond James.

Junto com a oferta, a Azul informou que deixará de divulgar as projeções financeiras (guidance) relativas a decolagens, custos e despesas operacionais por ASK, ex-combustível (CASK ex-fuel) e margem operacional. “A decisão é motivada pela necessidade de alinhamento de sua política de divulgação de guidance com os procedimentos adotados por seus auditores independentes e demais consultores no contexto de ofertas públicas de distribuição de valores mobiliários de emissão da companhia no Brasil e no exterior”, afirma a empresa aérea.

Fonte Oficial: http://www.valor.com.br/empresas/5116640/azul-fara-oferta-secundaria-de-acoes-com-giro-de-ao-menos-r-1074-bi.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!