Jornal do Comércio >> Dólar abre em alta, mas perde força após dado fraco nos EUA

O dólar à vista no balcão abriu em alta nesta sexta-feira (15) mas perdeu força e bateu mínimas sequenciais logo depois. A moeda começou ajustando-se às perdas da véspera, quando fechou no nível de R$ 3,11, mas também foi pressionada pontualmente pela sinalização de que o Banco Central irá promover rolagem parcial dos contratos de swap cambial que vencem em 2 de outubro.

Nesta sexta, haverá leilão às 11h30 de até 12 mil contratos (US$ 600 milhões). Mantido esse ritmo até o fim do mês, a rolagem será de US$ 6,0 bilhões, do total de US$ 9,975 bilhões a vencer.

Após 9h30min, o dólar perdeu força, em sintonia com o comportamento da moeda americana no exterior ante divisas principais. O movimento foi uma reação a dados fracos de vendas no varejo nos Estados Unidos, que caíram 0,2% em agosto ante julho, frustrando a expectativa de avanço de 0,2%. Adicionalmente, a leitura de julho do indicador foi revisada para baixo.

Às 9h43min, o dólar à vista no balcão era negociado a R$ 3,1212 (+0,15%), depois de bater mínima a 3,1182 (+0,05%). No mercado futuro, a moeda para outubro estava cotada a R$ 3,1270 (+0,03%).

Fonte Oficial: http://jcrs.uol.com.br/_conteudo/2017/09/economia/585824-dolar-abre-em-alta-mas-perde-forca-apos-dado-fraco-nos-eua.html.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!