Jornal do Comércio >> Petróleo fecha em baixa, com reunião da Opep no radar

Os contratos futuros de petróleo fecharam em baixa nesta terça-feira, dando sequência ao movimento visto na sessão de segunda-feira, com os investidores tendo a reunião de monitoramento do acordo de redução da oferta da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) no radar.

Na New York Mercantile Exchange (Nymex), o petróleo WTI para novembro fechou em queda de 0,89%, a US$ 49,90 por barril. Na Intercontinental Exchange (ICE), o barril do petróleo tipo Brent para o mesmo mês recuou 0,61%, a US$ 55,14.

“Estamos ziguezagueando no alcance. Falhamos em manter as máximas da semana passada e voltamos ao mesmo intervalo de três dias”, disse o comerciante da LPS Futures Michael Hiley.

Nesta terça-feira, comentários do ministro de Petróleo do Iraque, Jabar al-Luaibi, de que o país poderia estar aberto para estender os cortes na produção até o fim do próximo ano estiveram no radar dos investidores.

“Em suma, a perspectiva parece ser brilhante”, disse Luaibi durante um evento da indústria de petróleo nos Emirados Árabes Unidos. No entanto, analistas e investidores afirmam que a marca de US$ 50 por barril do petróleo WTI continua a ser um forte ponto de resistência em meio a um excesso de oferta persistente, que poderia começar a crescer novamente no próximo ano.

Analistas do Société Générale afirmaram que “nossa visão fundamental se tornou mais fraca. Como resultado, nossa perspectiva de preços do petróleo é amplamente variável”.

Fonte Oficial: http://jcrs.uol.com.br/_conteudo/2017/09/economia/586423-petroleo-fecha-em-baixa-com-reuniao-da-opep-no-radar.html.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!