Jornal do Comércio >> Bares e restaurantes vão fazer campanha para manter horário de verão

Os bares e restaurantes planejam fazer uma campanha para defender a continuidade do horário de verão. Após a conclusão de estudos que mostram que a medida não proporciona economia de energia, o Ministério de Minas e Energia (MME) decidiu encaminhar a questão para instâncias superiores e o governo federal agora planeja fazer uma enquete para decidir se o País continuará tendo horário de verão.

“O nosso setor sempre achou que o horário de verão fosse algo positivo. O movimento em bares aumenta 20% no verão, nos restaurantes, 10%. A gente não pode esquecer que quase todo mundo tem medo de sair à noite, e antecipar o horário sempre dá uma sensação maior de segurança”, disse Percival Maricato, presidente da Abrasel-SP, entidade do setor.

A continuidade do horário de verão será uma decisão da Presidência da República. Prevendo polêmica, já que o assunto divide opiniões e tem amantes e detratores, o governo estuda fazer uma enquete nas redes sociais para deliberar sobre o assunto.

O ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha, evitou dar um posicionamento prévio. O presidente Michel Temer é quem vai bater o martelo sobre a questão. Se vigorar neste ano, o horário de verão começa em 15 de outubro e termina no dia 17 de fevereiro.

Os bares e restaurantes já fizeram campanhas para aumentar o movimento de clientes durante os meses de verão e agora devem retomar a proposta, oferecendo descontos para quem frequentar os estabelecimentos mais cedo.

A campanha pretende mostrar às pessoas como que é saudável e agradável sair mais cedo para os bares, além de mais seguro. A questão de segurança também será lembrada. A Lei Seca, por exemplo, flagra os motoristas que bebem e dirigem. Sair mais cedo dos bares e restaurantes facilita o acesso ao transporte público.

Fonte Oficial: http://jcrs.uol.com.br/_conteudo/2017/09/economia/586934-bares-e-restaurantes-vao-fazer-campanha-para-manter-horario-de-verao.html.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!