Jornal do Comércio >> INCC-M desacelera em Porto Alegre no mês de setembro, revela FGV

Materiais de construção, equipamentos e serviços, ajudaram a acelerar o indicador de 0,20% para 0,37%

EDUARDO SEIDL/ARQUIVO/JC

O Índice Nacional de Custo da Construção – Mercado (INCC-M) diminuiu o ritmo de alta entre agosto e setembro, ao passar de 0,40% para 0,14%, informou nesta terça-feira (26) a Fundação Getulio Vargas (FGV). Em Porto Alegre houve desaceleração do índice no período (de 1,30% para 0,19%).

Além da capital Gaúcha, outras duas cidades, das sete pesquisadas pela FGV, registraram queda nas taxas em setembro: Recife (0,29% para 0,28%) e Rio de Janeiro (alta de 2,18% para -0,33%). Já em Salvador (-0,06% para alta de 0,19%), Brasília (-0,09% para alta de 0,39%), Belo Horizonte (0,21% para 0,22%) e São Paulo (0,05% para 0,13%), houve aceleração do índice.

Quando ao indicador que mede a variação em Materiais, Equipamentos e Serviços, houve aceleração saindo de 0,20% para 0,37% no nono mês deste ano. Em contrapartida, o índice relativo à Mão de Obra registrou variação negativa de 0,04% em setembro, depois de subir 0,56% em agosto.

Fonte Oficial: http://jcrs.uol.com.br/_conteudo/2017/09/economia/587430-incc-m-desacelera-em-porto-alegre-no-mes-de-setembro-revela-fgv.html.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!