Valor >> Bolsas da Europa fecham mistas após decisão do Banco da Inglaterra

SÃO PAULO  –  O Banco da Inglaterra (BoE) elevou a taxa de referência em 0,25 ponto percentual nesta quinta-feira, na primeira subida de juros desde 2007. Mas a sinalização que prevê apenas duas elevações nos próximos três anos, ou seja, menos de uma por período, levou a uma forte queda da libra e ajudou a sustentar a alta da bolsa de Londres.

O índice pan-europeu Stoxx 600 terminou em queda de 0,46% a 394,94 pontos. O FTSE 100, de Londres, subiu 0,90% a 7.555,32 pontos. O DAX, de Frankfurt, recuou 0,18% a 13.440,93 pontos. O CAC 40, de Paris, perdeu 0,07% a 5.510,50 pontos.

Investidores e analistas consideraram a alta de juros do BoE nesta quinta-feira como uma espécie de aperto “dovish’, na medida que a autoridade sinalizou um aumento muito gradual de taxas no futuro, com apenas duas altas até 2020.

A visão mais otimista para a inflação e a percepção de que a subida de hoje pode ser uma alta solitária impulsionou uma forte queda da libra, que, há pouco, recuava 1,47% ante o dólar a US$ 1,3055.

A temporada de balanços na Europa também continua a pesar sobre os índices acionários. A empresa britânica de equipamentos para cozinha Howden Joinery subiu 10% após divulgar subida de 8,2% das receitas no terceiro trimestre na comparação anual.

As ações do banco Credit Suisse avançaram 4,5% também depois de reportar forte crescimento do lucro líquido na comparação anual, batendo a estimativa de analistas em meio a uma plano de reestruturação em andamento.

Os papéis do setor de viagens e lazer figuraram entre os piores desempenhos do dia, com o setor em queda de 1,4%. A Playtech, especializada em jogos de apostas on-line, teve a maior queda entre os componentes do Stoxx 600, com perda de 22%, após divulgar que o resultado no fim do ano vai ficar abaixo das expectativas de mercado.

A farmacêutica Sanofi caiu 1,23% e puxou para baixo o setor de saúde, após resultados desapontadores no trimestre passado. A companhia reportou queda de vendas no braço de remédios para diabetes.

Os investidores também aguardam a divulgação do nome do escolhido do presidente dos EUA, Donald Trump, para substituir Janet Yellen no comando do Federal Reserve. Segundo a agenda oficial da Casa Branca, o anúncio será feito às 17h (de Brasília).

O atual diretor do Fed e integrante do conselho executivo da autoridade, Jerome Powell, é favorito à indicação.

Fonte Oficial: http://www.valor.com.br/financas/5180433/bolsas-da-europa-fecham-mistas-apos-decisao-do-banco-da-inglaterra.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!