Valor >> Fitch rebaixa nota da Venezuela de “CC” para “C”

SÃO PAULO  –  A agência de classificação de risco de crédito Fitch rebaixou a nota de emissor de longo prazo em moeda estrangeira da Venezuela para “C” de “CC”.

Segundo a agência, o corte ocorre após o anúncio do governo do país sul-americano, nesta sexta-feira, de que planeja iniciar uma renegociação de sua dívida soberana internacional. A notícia, junto com a perda de prazo de pagamentos de amortizações de bônus soberanos, que ainda estão dentro do período complementar de pagamento de 30 dias, torna, na visão da agência, um evento de default “altamente provável”.

A liquidez externa da Venezuela já estava fraca antes do anúncio, ponderou a Fitch, com uma taxa de liquidez estimada em apenas 33%, que compreende as reservas internacionais do banco central mais os ativos estrangeiros líquidos do sistema bancário relativos a dívidas com maturidade residual de menos de uma ano.

De acordo com a Fitch, o governo venezuelano terá de fazer pagamentos de cupons no exterior no montante de US$ 619,6 milhões nos dois últimos meses de 2017 e mais US$ 3,348 bilhões em 2018, assim como vai enfrentar o vencimento do principal de bônus externos de US$ 2,052 bilhões no ano que vem.

Fonte Oficial: http://www.valor.com.br/financas/5181623/fitch-rebaixa-nota-da-venezuela-de-cc-para-c.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!