Valor >> Câmara de SP aprova privatização de Interlagos em primeira votação

SÃO PAULO  –  A Câmara Municipal de São Paulo aprovou nesta quarta-feira, em primeira votação, a privatização do Complexo de Interlagos, que abriga o autódromo e cartódromo. O projeto de alienação recebeu 37 votos favoráveis, nove contrários e houve uma abstenção. A área tem quase um milhão de metros quadrados e a prefeitura espera arrecadar cerca de R$ 2 bilhões com a venda.

Entre os vereadores que se opuseram à venda está a ex-secretária municipal Patrícia Bezerra (PSDB). O ex-presidente do diretório municipal do PSDB Mario Covas Neto se absteve.

O projeto enviado pelo prefeito João Doria, com apenas uma folha, não determina o que deverá ser feito na área e prevê que a alienação poderá ser realizada “mesmo que pendentes aspectos de regularização do imóvel”. Para vereadores da oposição, como do PT e PSol, a proposta é muito genérica e dá uma espécie de cheque em branco à prefeitura.

A venda do Complexo de Interlagos faz parte do Plano Municipal de Desestatização, principal bandeira de Doria. A Câmara Municipal já aprovou a concessão de terminais, parques, mercados, sistema de bilhetagem de ônibus e serviço de pátios e remoção. Os vereadores autorizaram também o Executivo a fazer a concessão do Estádio Municipal Paulo Machado de Carvalho, o Pacaembu. A venda do Complexo Anhembi aguarda segunda votação.

Fonte Oficial: http://www.valor.com.br/politica/5187103/camara-de-sp-aprova-privatizacao-de-interlagos-em-primeira-votacao.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!