Jornal do Comércio >> Taxas futuras de juros recuam com dólar

Os juros futuros operam em baixa desde o início da sessão desta quinta-feira (16) acompanhando o sinal do dólar ante o real. Segundo um operador de renda fixa, o recuo é um ajuste após a alta registrada na terça-feira, 14, antes do feriado de quarta-feira (15) no País. A fonte salientou que o leilão do Tesouro nesta quinta pode trazer pressão pontual de alta às taxas.

No câmbio, o dólar recua, ajustando-se à desvalorização da moeda norte-americana na quarta no exterior, durante o feriado no Brasil, e à persistente baixa na manhã desta quinta do dólar em relação a divisas emergentes e ligadas a commodities.

Na quarta, o plano de senadores republicanos de adicionar ao projeto de reforma tributária a controversa eliminação de parte do Obamacare aumentou o ceticismo dos investidores em relação à agenda legislativa de Trump, pressionando o dólar para baixo.

As atenções em âmbito global nesta quinta estão voltadas para a votação da proposta de reforma tributária dos Estados Unidos, elaborada pelos deputados republicanos, na Câmara dos representantes. Antes, o presidente americano, Donald Trump, deve se encontrar com congressistas republicanos no Capitólio.

Às 9h46min, o DI para janeiro de 2019 a 7,26%, de 7,27% no ajuste de terça-feira. O DI para janeiro de 2020 marcava 8,61%, de 8,63%, enquanto o vencimento para janeiro de 2021 exibia 9,49%, de 9,52% no ajuste anterior. No câmbio, o dólar à vista caía 0,39%, aos R$ 3,2970. O dólar futuro de dezembro recuava 0,48%, aos R$ 3,3030.

Os investidores estão digerindo ainda o resultado do Índice Geral de Preços – 10 (IGP-10), que avançou 0,24% em novembro, após o aumento de 0,49% registrado em outubro. O resultado ficou no teto das projeções dos analistas do mercado financeiro ouvidos pelo Projeções Broadcast, que esperavam desde um recuo de 0,02% a uma alta 0,24%, com mediana positiva de 0,11%.

Mais cedo foi informado também que o Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S) desacelerou para 0,30% na segunda quadrissemana de novembro. O resultado ficou 0,06 ponto porcentual abaixo do registrado na leitura imediatamente anterior, quando o indicador apresentou variação de 0,36%.

Fonte Oficial: https://worldcambio.com.br/wp-content/uploads/2017/11/jornal-do-comercio-taxas-futuras-de-juros-recuam-com-dolar.br_conteudo/2017/11/economia/596554-taxas-futuras-de-juros-recuam-com-dolar.html.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!