Jornal do Comércio >> Volume de cheques devolvidos cresce 1,7% em outubro, diz Boa Vista SCPC

O brasileiro pagou mais contas com cheques sem fundos em outubro, elevando em 1,70% o volume de títulos em relação a setembro. É o que mostra um levantamento feito pela Boa Vista SCPC, empresa de informações de crédito que administra um banco de dados que reúne informações comerciais e cadastrais de mais de 130 milhões de empresas e consumidores com abrangência nacional.

Em números absolutos, o total de cheques devolvidos pela segunda vez sem fundos somou 730.149. Esse número, no entanto, ficou 39,48% inferior aos 1.206.656 cheques devolvidos pela segunda vez por falta de recursos na conta corrente de seus emissores em outubro de 2016.

Numa outra comparação mensal, o porcentual de cheques devolvidos sobre o total movimentados diminuiu em outubro frente ao mês de setembro, quando o nível foi de 1,75%, devido ao aumento de 8,5% para os cheques movimentados e menor crescimento dos cheques devolvidos, de 5,3%.

Desde maio de 2012 a Boa Vista SCPC passou a utilizar como base para o cálculo da proporção de cheques devolvidos o total de cheques movimentados e não mais o total de cheques compensados.

Considera-se o total de cheques movimentados a soma do total dos cheques devolvidos (2ª devolução por insuficiência de fundos) com o total dos cheques compensados em um determinado período.

Fonte Oficial: https://worldcambio.com.br/wp-content/uploads/2017/11/jornal-do-comercio-volume-de-cheques-devolvidos-cresce-17-em-outubro-diz-boa-vista-scpc.br_conteudo/2017/11/economia/596584-volume-de-cheques-devolvidos-cresce-1-7-em-outubro-diz-boa-vista-scpc.html.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!