Mais de 75% das empresas esperam expansão em 2018 – Jornal do Comércio

Para o setor industrial do segmento de elétrica e eletrônicos, o ano de 2018, que, para vários outros segmentos da economia, será marcado pelas incertezas decorrentes do processo eleitoral, será de crescimento. Em pesquisa da Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica (Abinee) que será divulgada na quinta-feira, 76% das empresas consultadas reportaram expectativa de crescimento do setor.

Ainda com vistas em 2018, 18% dos entrevistados afirmaram sua crença na estabilidade da produção e vendas das suas empresas, e 6% estão preparados para registrar queda em seus balanços. A sondagem ouviu executivos de 100 empresas do setor fabricante de materiais e equipamentos elétricos e eletrônicos no decorrer da primeira quinzena de novembro. Não estão inseridos no contexto do levantamento, portanto, os resultados da Black Friday.

Em uma menor proporção, a sondagem também apontou otimismo para este ano, com 60% das empresas projetando crescimento para 2017 da produção e vendas. Outros 11% disseram esperar que o setor encerre este ano anotando estabilidade, e 29% preveem queda.

Também foi identificado nesta pesquisa que 47% das companhias entrevistadas devem ampliar os investimentos em 2018, 43% planejam manter no mesmo patamar de 2017, e 10% têm expectativa de redução.

De acordo com o presidente da Abinee, Humberto Barbato, o bom momento do setor eletroeletrônico pode ser verificado em outros indicadores. Até outubro, foram gerados mais de 4 mil postos de trabalho pela indústria elétrica e eletrônica.

 

Fonte Oficial: Jornal do Comércio.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!