Dólar fecha em alta em semana de incerteza sobre Previdência – Valor

SÃO PAULO  –  O dólar devolveu nesta sexta-feira uma parte da alta de quase 2% acumulada na quarta e quinta. Na semana, contudo, prevaleceu o viés para cima, com a moeda americana terminando com valorização de 0,74%. É a primeira semana de ganhos após três seguidas de perdas.

O primeiro dia de dezembro foi marcado por algum alívio tanto pela atuação do Banco Central quanto pela esperança de que a votação da reforma da Previdência neste ano não esteja totalmente descartada.

Numa tentativa de reforçar a ala de apoio à reforma, o presidente Michel Temer (PMDB) terá conversa reservada neste sábado com o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB-SP), que assumirá no dia 9 de dezembro a presidência nacional da legenda. Ambos vão tratar do desembarque formal dos tucanos do governo federal e o apoio do partido à reforma da Previdência. Nesta sexta-feira, Alckmin disse que o PSDB vai apoiar o projeto.

Logo pela manhã, o mercado reagiu ao anúncio, feito pelo BC na noite da véspera, de leilão de rolagem de 14 mil contratos de swap cambial tradicional. A venda desses papéis equivale a uma injeção de dólares no mercado futuro.

O BC não atuava dessa maneira havia dois meses e ontem sinalizou ao mercado rolagem integral dos contratos que vencem em janeiro, na sequência do salto de quase 2% do dólar em dois dias.

O lote de swaps que expira no começo do mês que vem soma US$ 9,638 bilhões. O estoque total é de US$ 23,794 bilhões.

“O anúncio antecipado dos leilões de swaps remove uma eventual fonte de incerteza”, diz o BNP Paribas em nota a clientes.

No fechamento desta sexta-feira, o dólar comercial caiu 0,44%, a R$ 3,2562. No mercado futuro, o dólar para janeiro cedia 0,55%, a R$ 3,2640.

Apesar da forte alta do dólar nos dois pregões anteriores, o real não chegou a encabeçar a lista global de maiores quedas. O peso chileno liderava as perdas, em baixa de 2,14%.

Real ameniza queda na semana

Variação de divisas ante dólar no acumulado da semana

Fonte: Valor PRO

.

Fonte Oficial: Valor.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!