Banco Central crê em ganho de autonomia com depósito voluntário – Jornal do Comércio

O Banco Central (BC) fez ontem, por meio de newsletter, uma defesa do projeto de lei que o autoriza a acolher depósitos voluntários a prazo de instituições financeiras. A proposta foi encaminhada pelo governo ao Congresso na semana passada.

Os bancos poderão fazer depósitos em suas respectivas contas no BC. O prazo mínimo é de um dia, sendo que os montantes serão remunerados. “Hoje, o BC administra a quantidade de dinheiro no sistema bancário por meio da venda com compromisso de recompra dos títulos públicos de sua carteira, as chamadas ‘operações compromissadas”https://worldcambio.com.br/wp-content/uploads/2017/12/banco-central-cre-em-ganho-de-autonomia-com-deposito-voluntario-jornal-do-comercio.br”, pontuou o chefe do Departamento de Operações de Mercado Aberto do BC, João Henrique Simão. “Com os depósitos voluntários, o BC ganha maior autonomia, uma vez que deixa de depender exclusivamente dessas operações para regular a liquidez bancária e, consequentemente, manter a taxa básica de juros (Selic) próxima da meta fixada pelo Comitê de Política Monetária (Copom)”, acrescentou.

O BC reforçou, ainda, que “o novo instrumento será introduzido de maneira gradual e parcimoniosa, com limites a serem estabelecidos pela regulamentação”.

 

Fonte Oficial: Jornal do Comércio.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!