FAO alerta para aumento da degradação dos solos no mundo – Jornal do Comércio

A Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO) fez um alerta ontem para o aumento da degradação dos solos a nível mundial, devido a práticas inadequadas de manuseio da terra. O alerta foi lançado por ocasião do Dia Mundial do Solo, que se comemora hoje, sob lema “Cuidar do planeta começa com o solo”.

Segundo a FAO, aproximadamente 33% dos solos globais estão degradados. Em nota, o organismo da ONU e a Parceria Global do Solo (Global Soil Partnership – GSP) lembram que as práticas inapropriadas e a pressão do ser humano estão intensificando a degradação dos solos, apesar do papel essencial que o mesmo desempenha para a subsistência humana.

Segundo estimativas da FAO, mais de 10 milhões de pessoas já abandonaram os seus países de origem devido a questões ambientais, como seca, erosão do solo, desertificação e desmatamento. Até 2050, a população mundial deverá atingir 9 bilhões de pessoas, o que obrigará os agricultores a produzirem pelo menos 49% de alimentos sob um clima cada vez mais variável e difícil de prever.

O Dia Mundial do Solo é comemorado anualmente em 5 de dezembro como forma de chamar atenção para a importância de se defender o uso sustentável dos recursos do solo.

Fonte Oficial: Jornal do Comércio.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!