Pessimismo com Previdência volta a crescer e pressiona dólar e bolsa – Valor

SÃO PAULO  –  O mercado financeiro volta a reagir a ruídos em torno da reforma da Previdência. Segundo profissionais, o noticiário desta manhã trouxe elementos mais negativos sobre as possibilidades de o governo conseguir aprovar a reforma, o que se refletiu na alta do dólar e dos juros e na queda do Ibovespa futuro já na abertura do pregão.

Mas, meia hora depois dos negócios começarem, os preços pioraram, reagindo a comentários de que o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, teria expressado uma leitura mais pessimista em relação ao número de votos para aprovar a Previdência.

Esse comportamento do mercado confirma o nível de sensibilidade dos investidores ao noticiário da Previdência, algo que já vem acontecendo nas últimas sessões e que se intensifica à medida que o prazo para a votação se aproxima.

Às 10h18, o Ibovespa cedia 1,48%, para 72.186 pontos. O dólar comercial subia 1,38% para R$ 3,2755.

Fonte Oficial: Valor.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!