Petróleo é apoiado pela postura da Opep no acordo para conter oferta, diz banco – Jornal do Comércio

O reequilíbrio recente do mercado de petróleo é ajudado pelo forte nível de cumprimento do acordo para corte na oferta liderado pela Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep), afirmaram analistas do Goldman Sachs. A taxa de cumprimento da iniciativa atingiu 132% em novembro, após ficar em 104% em outubro, estimou o banco.

O nível de cumprimento da iniciativa tem sido alto. Além disso, a Rússia tem produzido perto de sua cota. Os russos não são membros da Opep, mas também se uniram ao acordo para apoiar os preços da commodity. “A Opep e a Rússia mostram disposição maior em estender os cortes do que o esperado em 30 de novembro e nós esperamos agora um forte nível de cumprimento ao longo do primeiro semestre de 2018”, diz o Goldman.

Fonte Oficial: Jornal do Comércio.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!