Proposta da Previdência é extremamente “razoável”, diz secretário – Exame

Brasília – O secretário de Previdência do Ministério da Fazenda, Marcelo Caetano, disse nesta terça-feira, 12, que é preciso levar adiante a reforma da Previdência “o quanto antes”.

Ele defendeu que a proposta atual é “extremamente razoável”, pois não mexe em pontos que afetariam a população mais pobre, como aposentadoria rural, tempo mínimo de contribuição ao INSS e o Benefício de Prestação Continuada (BPC), pago a pessoas de baixa renda que sejam idosas ou com deficiência.

Caetano disse ainda que o piso de todos os benefícios continuam sendo o salário mínimo, e que as idades mínimas começam num patamar menor, de 53 anos para mulheres e 55 anos para homens. “Ainda temos tempo de não entrar em situação de Portugal e Grécia, que cortaram salários, mas é preciso urgência”, disse.

Segundo o secretário, não fazer nada é a “rota mais certa e segura” para destruir o Estado de bem-estar social no País.

Fonte Oficial: Exame.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!