UE e Mercosul se aproximam de acordo durante reunião da OMC – Exame

O acordo pode acontecer no início do novo ano, disse Cecilia Malmstrom, comissária de comércio europeia

Por Reuters

access_time 12 dez 2017, 21h53

Buenos Aires – As negociações comerciais entre a União Europeia e o bloco Mercosul, da América do Sul, estão perto de um acordo, paralelamente à reunião ministerial da Organização Mundial do Comércio (OMC) em Buenos Aires, disseram negociadores de ambos os lados.

O acordo pode acontecer no início do novo ano, disse Cecilia Malmstrom, comissária de comércio europeia, a repórteres.

“Nós fizemos bons avanços, mas ainda há levantamentos hoje”, disse Malmstrom. “Nós vemos o fim disso.”

O ministro das Relações Exteriores do Brasil, Aloysio Nunes, disse a repórteres mais tarde que o Mercosul e a União Europeia trocaram notas sobre o quão disposto está cada lado a ceder para alcançar um acordo de livre comércio.

“Eles nos perguntaram quão longe poderíamos ir em sua direção e nós perguntamos o mesmo. Estamos esperando por sua reação à nossa proposta para ver se conseguimos concluir a parte mais difícil das negociações, que é o acesso mercado”, disse.

O chanceler afirmou ainda que o Mercosul se compromete a retirar tarifas de 90 por cento de seu comércio com a UE.

A resistência de alguns Estados membros da UE, como Irlanda e França, às importações agrícolas tem atrasado as negociações do acordo comercial que busca liberalizar o comércio e o investimento, os serviços e o acesso aos contratos públicos.

Os membros do Mercosul Brazil, Argentina, Paraguai e Uruguai têm se esforçado por uma melhora na oferta da UE de importações livres de tarifa para 70 mil toneladas de carne bovina por ano e 600 mil toneladas de etanol por ano.

Fonte Oficial: Exame.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!