Após dois dias de perdas, Bovespa busca recuperação com exterior positivo – Jornal do Comércio

O Ibovespa marcou máxima pouco depois do leilão de abertura desta sexta-feira (15) sob influência externa positiva. O indicador da Bovespa sobe com a apreciação de todas as blue chips, numa aparente jornada de recuperação dos preços após dois dias de queda. Entre quarta e quinta-feira, o índice perdeu mais de 1.300 pontos.

No câmbio, o dólar firmou-se em queda e é negociado abaixo dos R$ 3,33 observados na abertura e também na máxima intraday, quando a moeda no balcão registrou alta, aos R$ 3,3378 (+0,05%).

Ainda que persista um mal-estar causado pela incerteza política e pelo adiamento da reforma da Previdência, o Ibovespa recupera-se sob o apoio externo. Lá fora, o investidor observa a valorização do petróleo nos mercados futuros de Londres e de Nova Iorque, a apreciação dos índices acionários futuros em Nova Iorque e o fechamento positivo do minério de ferro na China. No mercado à vista, a commoditiy em Qingdao teve alta de 2,23%.

Às 10h21min, o Ibovespa marcou máxima aos 72.739 pontos, em alta de 0,43%. Na mínima, marcou 72.277 pontos (-0,21%), antes do término do leilão de abertura das blue chips. As ações da Petrobras subiam, em linha com o apoio da valorização do petróleo Brent (Londres) e do WTI (Nova York), e no dia da estreia das ações da BR Distribuidora na B3, com o código BRDT3. O papel subia 2,53%.

Vale mencionar que o resultado do setor de serviços veio dentro do esperado em outubro ante setembro, quando o volume caiu 0,8%.

Segundo o IBGE, o segmento de serviços prestados às famílias registrou um recuo de 2,3% na passagem de setembro para outubro, após um avanço de 5,9% no mês anterior.

Fonte Oficial: Jornal do Comércio.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!