IPCA de 2017 cai de 2,88% para 2,83%, prevê Focus – Jornal do Comércio

Os economistas do mercado financeiro reduziram novamente suas projeções para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) – o indicador oficial de preços – para este ano. O Relatório de Mercado Focus, divulgado ontem pelo Banco Central (BC), mostra que a mediana para o IPCA em 2017 foi de 2,88% para 2,83%. Há um mês, estava em 3,09%. Já a projeção para o índice de 2018 passou de 4,02% para 4,00%, ante 4,03% de quatro semanas atrás.

Na prática, as projeções de mercado divulgadas agora no Focus indicam que a expectativa é de que a inflação fique abaixo do piso da meta, de 3,0%, em 2017. O centro da meta para este ano e o próximo é de 4,5%, com margem de tolerância de 1,5 ponto percentual (inflação de 3,0% a 6,0%).

A expectativa de alta para o PIB deste ano passou de 0,91% para 0,96%. Há um mês, a perspectiva estava em 0,73%. Para 2018, o mercado aumentou a previsão de alta do PIB de 2,62% para 2,64%. Quatro semanas atrás, a expectativa estava em 2,51%.

A projeção para a cotação do dólar no fim de 2017 foi de R$ 3,25 para R$ 3,29. Há um mês, já estava em R$ 3,25. No caso de 2018, a projeção dos economistas do mercado financeiro para o câmbio no fim do ano permaneceu em R$ 3,30. Quatro semanas antes, estava no mesmo patamar.

Mesmo após o BC indicar a possibilidade de novo corte de juros em fevereiro, os economistas do mercado financeiro mantiveram suas projeções para a Selic para o fim de 2018. A mediana das previsões para a Selic no próximo ano seguiu em 7,00% ao ano pela 13ª semana consecutiva.

Fonte Oficial: Jornal do Comércio.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!