Dólar recua ante real em linha com o exterior – Jornal do Comércio

O dólar recua discretamente ante o real na manhã desta quarta-feira (20) em linha com o viés negativo do Dollar Index e em relação a algumas moedas emergentes e ligadas a commodities no exterior, segundo o operador de uma corretora que não quis se identificar.

Lá fora, os investidores já precificaram em boa medida a possível aprovação da reforma tributária dos Estados Unidos nesta quarta pela Câmara dos Representantes. Por isso, há uma discreta realização de ganhos recentes e a moeda americana está mais fraca. O plano foi aprovado pelo Senado durante a madrugada e será reapreciado pelos deputados ainda pela manhã. Se confirmada sua aprovação, o presidente Donald Trump dará entrevista às 16h.

O gerente de mesa de derivativos de uma gestora de recursos diz que o dólar tende a oscilar entre margens estreitas no dia.

Segundo a fonte, a liberação de compulsório de cerca de R$ 20 bilhões até 2 de janeiro deixa o mercado mais líquido porque haverá mais recursos dos bancos para crédito ao consumidor. Em relação às eleições de 2018, a fonte minimiza o resultado do Barômetro Político Estadão-Ipsos, que mostrou melhora da imagem do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, enquanto outros possíveis candidatos, como Geraldo Alckmin (PSDB), Marina Silva (Rede) e Jair Bolsonaro (PSC), sofreram desgaste.

“Essas agências e institutos de pesquisa estão desacreditados”, afirma. “O que está no radar é o julgamento do dia 24 de fevereiro. Eventual condenação de Lula deve empurrar o dólar para baixo”, avalia a fonte.

Às 9h40min desta quarta, o dólar à vista recuava 0,13%, aos R$ 3,2878. O dólar futuro de janeiro caía 0,08%, aos R$ 3,2910. Lá fora, o Dollar Index tinha viés de baixa de 0,02%, em 93,424 pontos. A moeda americana caía ante o dólar australiano, o peso chileno e o rublo russo. Não está descartada uma virada para o lado positivo lá fora e ante o real, disse o mesmo gerente.

Fonte Oficial: Jornal do Comércio.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!