Ilan diz que reforma não muda Selic – Valor

O presidente do Banco Central, Ilan Goldfajn, disse ao Valor que o adiamento da votação da reforma da Previdência não muda as perspectivas de uma nova redução da Selic em fevereiro. A importância da reforma é mais de médio e longo prazo do que de curto prazo e, segundo Ilan, adiar a votação não significa que exista a opção de não fazê-la. Ele vê dois riscos para a inflação em 2018. Um é o risco “do bem”, de a inflação se acomodar em um nível mais baixo que o esperado. Outro é o de não se conseguir avançar nas reformas e ajustes e haver ainda algum choque externo, como a elevação mais rápida do juro nos EUA.

Fonte Oficial: Valor.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!