‘Plano não faz referência à negociação com o governo sobre cessão onerosa’, diz Parente – Jornal do Comércio

O presidente da Petrobras, Pedro Parente, esclareceu nesta quinta-feira (21), que o Plano de Negócios da empresa para 2018-2022 não faz referência à negociação com o governo sobre o contrato da cessão onerosa.

De acordo com ele, ainda não há definição sobre o processo. “Já montamos a comissão de negociação sobre a cessão onerosa e o governo está prestes a formalizar a sua comissão. Já houve conversas informais, mas uma negociação depende do governo federal”, respondeu.

Questionado sobre uma estimativa do Bradesco de que a companhia seria credora de US$ 8 bilhões na cessão onerosa, equivalentes a 1,4 bilhão de barris, Parente disse não concordar com essa avaliação e evitou entrar em detalhes sobre os valores estimados pela empresa. “Contratamos uma consultoria para avaliar isso e não posso entrar em detalhes sobre outras estimativas”, afirmou, acrescentando não ter a informação completa sobre o potencial de excedente de produção nessas áreas.

Parente disse ainda que é possível aumentar a produção da empresa em 2018 sem aumentar os investimentos devido à maturação de projetos que já vinha sendo executados.

“Vamos colocar em produção em 2018 oito novos sistemas, e isso elevará a produção. Já existem investimentos passados que nos permitem colocar em produção novos campos”, afirmou.

A Petrobras voltou a ampliar seu plano de investimentos e anunciou que fará aportes de US$ 74,5 bilhões no período de 2018 a 2022, conforme Plano de Negócios e Gestão (PGN) anunciado nesta quinta. O aumento é de 0,5% em relação ao plano 2017-2021, anunciado no ano passado. Na ocasião, a companhia havia cortado em 25% os aportes na comparação com o plano anterior.

Fonte Oficial: Jornal do Comércio.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!