Vale migra para o Novo Mercado com cerimônia na B3 – Jornal do Comércio

A Vale deverá começar a ver, em sua base de acionistas, grandes fundos de pensão internacionais devido à migração das ações ao Novo Mercado, segmento de mais elevadas práticas de governança corporativa da B3. A afirmação foi feita pelo presidente da Vale, Fábio Schvartsman, que disse ainda que alguns desses investidores já começam a entrar. Esses players têm restrição para investir em companhias sem um patamar de governança corporativa.

O executivo disse ainda, em conversa com jornalistas, que a companhia passa a ter mais liquidez com esse movimento. Segundo ele, a Vale termina o ano de uma forma diferente do que concluiu 2016 e a ida ao Novo Mercado é uma marca da nova fase da companhia. “Esse marco representa a Vale mais rentável e em um processo rápido de desalavancagem”, disse.

A Vale faz hoje, na B3, cerimônia de comemoração de sua migração ao Novo Mercado, com a presença de representantes de todos os seus acionistas, incluindo o presidente do Banco do Brasil, Paulo Caffarelli, do Bradesco, Luiz Carlos Trabuco, e da Previ, Gueitiro Matsuo, e da Petros, Walter Mendes. No antigo pregão da B3, cheio desde às 8h30min, há ainda muitos analistas de mercado e representantes de entidades de governança corporativa.

Fonte Oficial: Jornal do Comércio.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!