Bolsas chinesas se recuperam, mas outras asiáticas fecham em baixa – Jornal do Comércio

As bolsas chinesas fecharam em alta nesta terça-feira, recuperando-se de perdas de ontem, mas outros mercados asiáticos caíram em meio a uma notável redução da liquidez, típica dos últimos dias de dezembro.

Na China, o Xangai Composto subiu 0,78% hoje, a 3.306,12 pontos, enquanto o menos abrangente Shenzhen Composto avançou 0,43%, a 1.892,02 pontos. Destacaram-se ações de construtoras, ligadas à zona de livre comércio de Xangai e de empresas que lançaram ofertas públicas iniciais (IPOs) recentemente.

Em Tóquio, por outro lado, o Nikkei caiu 0,20%, a 22.892,69 pontos, após atingir o maior nível em 26 anos no pregão anterior. O volume de negócios na capital japonesa envolveu apenas 1,1 bilhão de ações e foi o segundo menor do ano.

Na Coreia do Sul e Taiwan, os índices acionários foram pressionados por papéis de tecnologia.

O sul-coreano Kospi recuou 0,54% em Seul, a 22.892,69 pontos, refletindo o fraco desempenho de seu maior componente, a Samsung Electronics (-3%), e também da SK Hynix (-3,4%).

No mercado taiwanês, o Taiex registrou queda de 0,96%, a 10.421,91 pontos, à medida que a Taiwan Semiconductor, empresa com maior valor de mercado negociado na ilha, caiu 1,1%, e a Hon Hai, fornecedora da Apple, cedeu 1,2%.

Ainda na esteira do feriado de Natal, as bolsas de Hong Kong e Filipinas, assim como a da Austrália, na Oceania, permaneceram fechadas hoje. 

Fonte Oficial: Jornal do Comércio.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!