Cade sugere restrição para aprovar operação Itaú-XP – Valor

A Superintendência Geral (SG) do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) sugeriu que a autoridade antitruste aprove a compra de fatia minoritária na XP Investimentos pelo Itaú Unibanco mediante a assinatura de um acordo para limitar a influência do Itaú sobre as decisões comerciais da XP, além do que já era previsto no acordo de acionistas entre as partes. Ao mesmo tempo, procura impedir que a XP exerça seu poder de mercado de forma nociva à concorrência entre as plataformas de investimento. O parecer, ao qual o Valor teve acesso, deverá ser publicado no “Diário Oficial da União” de hoje.

Fonte Oficial: Valor.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!