Advogados americanos comemoram vitória ‘histórica’ contra Petrobras – Jornal do Comércio

Advogados do escritório que representavam investidores numa ação contra a Petrobras nos Estados Unidos consideraram histórica a “vitória significativa” contra a empresa brasileira, que acaba de pagar US$ 2,95 bilhões, quase R$ 10 bilhões, para se livrar do processo iniciado há três anos em Nova Iorque. “O acordo é o maior envolvendo uma ação coletiva na última década”, afirma um comunicado do Pommerantz, a firma nova-iorquina que representou o grupo de investimentos Universities Superannuation Scheme Limited contra a petroleira.

Em toda a história americana, o acordo é o quinto maior do gênero. O comunicado lembra, no entanto, que ainda há pendências contra a PricewaterhouseCoopers, firma que fez a auditoria da Petrobras. De acordo com o Pommerantz, a vitória dos investidores abre um precedente na Justiça americana, já que foi reconhecido em segunda instância o pedido de ressarcimento de empresários que se viram lesados tanto na compra de estoque quanto na dos papéis da dívida do grupo.

Na visão da Justiça americana, segundo a firma de Nova Iorque, a Petrobras não pôde demonstrar que seus papéis tinham valor garantido nos mercados internacionais. “Estamos muito contentes com esse acordo histórico”, disse Jeremy Liberman, um dos sócios do Pommerantz. “Durante a negociação, importantes precedentes foram estabelecidos em relação a requerimentos em ações coletivas. Esses precedentes formarão a base de novas decisões em casos nas próximas décadas. Em resumo, esse processo e sua resolução legaram excelente resultado.”

Fonte Oficial: Jornal do Comércio.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!