Petrobras deve levar dois anos para recuperar valor – Jornal do Comércio

Apesar de ter feito acordo para pagar US$ 2,95 bilhões a investidores estrangeiros, o que pode encerrar uma de suas maiores disputas judiciais, a Petrobras deve levar dois anos para recuperar todo o seu valor de mercado desde que foi abalada pelos casos de corrupção revelados pela Operação Lava Jato, em 2014. Entre altos e baixos, a estatal viu seu tamanho na bolsa brasileira encolher de R$ 310,920 bilhões, em 2 de setembro de 2014, para R$ 226,9 bilhões na quarta-feira. A queda de cerca de 27% nesses últimos anos representa perda de aproximadamente R$ 84 bilhões.

Nesta quinta-feira, dia seguinte ao acordo proposto à Justiça dos EUA, as ações preferenciais (PN) da companhia, as mais líquidas, fecharam em alta de apenas 0,17%, para R$ 16,73. Os papéis ordinários (ON) subiram 0,85%, para R$ 17,70. Apesar da alta, a cotação ainda está distante dos R$ 24,56 de setembro de 2014, pouco antes de a companhia entrar em crise com o agravamento da Lava Jato por não conseguir publicar seus balanços auditados.

A agência de classificação de risco Fitch disse que o acordo feito pela Petrobras não terá efeito para o caixa da companhia. A Fitch, no entanto, alerta que o impacto para a estatal ainda é incerto, já que é alvo de processos e investigações na comissão de valores mobiliários dos EUA (SEC) e no Departamento de Justiça norte-americano.

Fonte Oficial: Jornal do Comércio.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!