Bolsas asiáticas estendem rali com perspectiva de recuperação econômica – Jornal do Comércio

As bolsas asiáticas fecharam em alta nesta segunda-feira, estendendo o rali que teve início na semana passada com expectativas de que a economia global se manterá em sólida trajetória de recuperação este ano.

Na China, o Xangai Composto avançou 0,52%, a 3.409,48 pontos, garantindo o sétimo pregão consecutivo de ganhos, enquanto o menos abrangente Shenzhen Composto subiu 0,22%, a 1.945,98 pontos. No começo dos negócios, porém, os mercados chineses ficaram pressionados, depois de Pequim anunciar regras mais duras para o setor bancário, em sua última tentativa de conter riscos financeiros.

Na bolsa taiwanesa, o Taiex registrou valorização pela oitava sessão seguida, de 0,33%, e renovou máxima em 28 anos, a 10.915,75 pontos, enquanto em Hong Kong, o Hang Seng, tinha alta moderada de 0,15% pouco antes do fechamento, operando no maior nível em dez anos.

Na capital sul-coreana, Seul, o Kospi mostrou volatilidade antes de encerrar o dia com ganho de 0,63%, a 2.513,28 pontos. Amanhã, representantes da Coreia do Sul e da Coreia do Norte irão se reunir para discutir a possível participação de atletas norte-coreanos na Olimpíada de Inverno, a ser realizada em PyeongChang em fevereiro, e outras questões bilaterais.

Exceção na Ásia, o filipino PSEi caiu 0,28% hoje em Manila, a 8.745,12 pontos. Já em Tóquio, a bolsa permaneceu fechada devido a um feriado no Japão.

Na Oceania, a bolsa australiana fechou em alta modesta, mas alcançou nova máxima em dez anos, graças ao bom desempenho de ações de grandes bancos domésticos. O S&P/ASX 200 subiu 0,13% em Sydney, a 6.130,40 pontos.

Fonte Oficial: Jornal do Comércio.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!