Santander Brasil anuncia parceria com NDB, o “banco dos Brics” – Valor

SÃO PAULO  –  O Santander Brasil e o New Development Bank (NDB), conhecido como o “banco dos Brics”, anunciaram nesta quarta-feira (10) uma parceria comercial para financiar projetos de infraestrutura.

A ideia é que a equipe do Santander prospecte as transações e o NDB entre na operação quando houver interesse. O acordo abrange concessão de linhas de crédito voltadas a projetos de infraestrutura e desenvolvimento sustentável, e serviços como estruturação de emissão de bônus, operações de câmbio e derivativos e transferência de valores.

“É o primeiro acordo entre o NDB e um banco no Brasil”, afirmou o diretor-geral de estratégia e parcerias do NDB, Sergio Suchodolski, em conversa com jornalistas por meio de teleconferência. O executivo está na China. “Esperamos que seja uma parceria duradoura que renda muitos projetos.”

O NDB é um banco de desenvolvimento multilateral, operado pelos países que integram os Brics (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul), como alternativa ao Banco Mundial e ao Fundo Monetário Internacional (FMI). A sede da instituição fica em Xangai.

Gerenciamento de recursos hídricos, saneamento, transporte, conectividade, energia limpa, desenvolvimento sustentável e integração econômica são áreas de interesse do NDB.

O banco dos Brics e o Santander já têm um primeiro projeto em negociação, mas as instituições não revelaram os detalhes. Além disso, o NDB tem uma carteira de US$ 300 milhões em projetos de energia renovável no Brasil e está em estágio avançado de negociação com dois Estados brasileiros para outras transações.

“A gente vai ter no NDB um grande parceiro para financiar e prover os serviços”, disse Rafael Noya, diretor de relacionamento com clientes do banco de investimentos do Santander.

Fonte Oficial: Valor.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!