Bitcoin Opera em Forte Queda; Altcoins Despencam – Portal do Bitcoin

Após se recuperar na segunda-feira e ter voltado acima dos US$ 14.000, o bitcoin caiu mais de US$ 2.000 desde seu topo de ontem, sendo negociado neste momento abaixo dos US$ 12.000.

Gráfico BTC/USD da Bitfinex

O Bitcoin agora está em seu menor preço desde o dia 22 de dezembro, quando chegou próximo dos US$ 10.000.

No Brasil, a criptomoeda é negociada a R$ 43.000, com uma queda de 8% nas últimas 24 horas. Uma queda um pouco inferior comparada com os 12% do mercado internacional.

O que pode ter impulsionado a queda?

A repressão da China sobre as criptomoedas continua conforme as autoridades financeiras estão planejando bloquear o acesso doméstico às plataformas de negociação de criptomoedas que permitem o comércio centralizado, dentro e fora da China.

Mesmo após ano passado ela já ter iniciado esse processo, a Bloomberg reportou que continuarão a repressão.

 

Enquanto isso, rumores em relação a Coreia do Sul foram desfeitos após anúncio oficial do governo que não iria proibir negociação de criptomoedas.

Altcoins em Forte Queda

Segundo o coinmarketcap, quase todas as criptomoedas estão com desvalorizações superiores a 20% nas últimas 24 horas.

O mercado total está em seu menor patamar de 2018. O valor de mercado das criptomoedas agora está em US$ 570 bilhões.

Top 20 das criptomoedas

Todas as criptomoedas estão operando no vermelho hoje. E o maior destaque vai para Raiblocks e NEM, que apresentam a maior desvalorização.

Leia Também: Bitcoin Supera Todas as Moedas Fiduciárias pelo Terceiro Ano Consecutivo

 

BitcoinTrade

A primeira plataforma Brasileira que você pode comprar com segurança utilizando o seu Cartão de Crédito como forma de pagamento. Eles aceitam Visa e Mastercard. A BitcoinTrade ainda conta com certificação de segurança PCI Compliance, a única no Brasil. Acesse aqui: https://www.bitcointrade.com.br

Fonte Oficial: Portal do Bitcoin.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!