JBS vende Five Rivers por US$ 200 milhões – Jornal do Comércio

A JBS conseguiu fechar acordo para se desfazer do último ativo em sua lista de negócios à venda: a operação de confinamento da Five Rivers Cattle Feeding nos Estados Unidos.

Segundo informou na quarta-feira (17) em comunicado ao mercado, a Pinnacle Asset Management concordou em pagar cerca de US$ 200 milhões pela operação (ou R$ 640 milhões pelo câmbio atual). A empresa vinha tentando há meses vender o negócio.

O programa de venda de ativos foi anunciado pela JBS em junho do ano passado como reação à crise desencadeada pela delação dos irmãos Batistas, que havia se tornado pública um mês antes. À época, a empresa informou que queria levantar R$ 6 bilhões com as vendas para ajudar a reduzir sua dívida.

Desde então, a JBS vendeu a operação de confinamento da Five Rivers no Canadá (por US$ 40 milhões), a Moy Park (£ 1 bilhão), uma fatia de 19% na Vigor (R$ 1,1 bilhão) e quase toda a operação da JBS Mercosul (US$ 300 milhões).

De acordo com a empresa, como resultado das vendas e da boa geração de caixa no período, o índice de alavancagem da JBS (Dívida Líquida/Ebitda) no terceiro trimestre de 2017 ficou em 3,4, frente ao patamar de 4,16x verificado no segundo trimestre de 2017.

O dinheiro levantado com os desinvestimentos, no entanto, não vai integralmente para o caixa da empresa. Fechada em setembro do ano passado, a venda da Moy Park, por exemplo, maior operação feita pelo grupo, foi realizada por meio de um negócio “caseiro”. A americana Pilgrim’s Pride, que é controlada pela JBS, assumiu a empresa por £ 1 bilhão, mas esse valor incluía também a assunção das dívidas da companhia irlandesa.

Fonte Oficial: Jornal do Comércio.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!