Bolsas de Nova Iorque renovam recordes após resultados de balanços corporativos – Jornal do Comércio

Os mercados acionários americanos fecharam sem direção única nesta quinta-feira (25), à medida que os investidores digeriram balanços corporativos e se atentaram a notícias vindas do Fórum Econômico Mundial em Davos. O índice Dow Jones encerrou o pregão em alta de 0,54%, aos 26.392,79 pontos; o S&P 500 avançou 0,06%, aos 2.839,25 pontos; e o Nasdaq teve baixa de 0,05%, aos 7.411,16 pontos. Com esses resultados, Dow Jones e S&P 500 renovaram máximas históricas de fechamento.

A temporada de balanços corporativos ajudou o Dow Jones a se firmar em alta nesta quinta-feira e a registrar o décimo recorde de fechamento deste ano. As ações da 3M encerraram com avanço de 1,89%, após registrar lucro recorrente acima das previsões de analistas. A Caterpillar foi na mesma direção, com seus papéis apresentando valorização de 0,61%. Resultados das empresas somados à convicção de que a economia dos Estados Unidos está se expandindo, contribuíram fortemente para os ganhos dos principais índices acionários americanos em 2017 e neste início de ano. “Os preços das ações seguem os ganhos das empresas e a expectativa é de que os lucros sejam bons no quarto trimestre”, disse o diretor executivo e gerente sênior de portfólio da Adams Funds, Mark Stoeckle.

Além de balanços, investidores também monitoraram o Fórum Econômico Mundial. Nesta quinta-feira (25), o megainvestidor George Soros participou de painel, onde disse achar que o governo de Donald Trump é “um perigo para o mundo”. Além disso, o bilionário afirmou que empresas como Facebook e Google se tornara “obstáculos para a inovação”. Com isso, o índice Nasdaq se firmou em terreno negativo, visto que é composto, principalmente, por empresas de tecnologia. Apple (-1,79%), Twitter (-0,94%) e Snap (-5,06%) foram os destaques negativos entre as giant techs.

Fonte Oficial: Jornal do Comércio.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!