Ouro sobe com dólar fraco e expectativa com relatório de emprego dos EUA – Jornal do Comércio

Os contratos futuros de ouro encerraram o pregão desta quinta-feira (1º) em leve alta, com os investidores recalibrando posições após a decisão do Federal Reserve (Fed, o banco central dos EUA).

Na Comex, a divisão de metais da New York Mercantile Exchange (Nymex), o ouro com entrega em abril fechou em alta de US$ 4,80 (+0,36%), a US$ 1.347,90 por onça-troy.

Na visão dos operadores e analistas do mercado de ouro, ao apontar no comunicado que a inflação vai subir nos EUA ao nível de 2% no médio prazo, o Fed abre espaço para elevação dos juros em março. No entanto, o dólar continua fraco ante as principais moedas, o que dá espaço para ganhos no metal precioso.

Os investidores acompanharão também o relatório de emprego (payroll) de janeiro, que será divulgado pelo Departamento do Trabalho no final da manhã desta sexta-feira. O dado é uma das referências do Fed para a formulação de política monetária. “Os investidores estão olhando para o grande evento da semana, que são os dados de emprego dos Estados Unidos”, disse o analista-chefe de mercado da ThinkMarkets, Naeem Aslam.

Os analistas ouvidos pela Dow Jones Newswires projetam criação de 177 mil novas vagas de trabalho em janeiro e que a taxa de desemprego permaneça no nível de 4,1%. Fonte: Dow Jones Newswires

Fonte Oficial: Jornal do Comércio.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!